sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Não! Não é apenas mais um blog sobre a CCB


A Congregação Cristã no Brasil precisou criar um "site" dizendo que não tem site. Deveras, afinal a Igreja não tem (ou tem?)*, mas pessoas criam diversos sites em nome da Instituição.
Criar um site sobre uma instituição qualquer, sendo esta legalmente constituída, com personalidade jurídica inclusive, sem autorização para tal, nos dias de hoje há reflexos no mundo jurídico, sendo o criador passível de ações reparadoras na esfera cível e até penal, se o conteúdo vier a imputar calúnia, difamação ou injúria à Instituição ou aos membros da mesma. Mas, a CCB, que se quer proíbe as pessoas de venderem CD's (hinos, testemunhos e até mesmo pregações) na porta das igrejas, apesar de recomendar que não o faça e nem autoriza ninguém a fazer, não pune um "membro" ou qualquer pessoa por manter um site na internet. Logo a necessidade do esclarecimento.

Quanto a blogs, tudo bem. É uma ferramenta pessoal, na qual o proprietário responsabiliza-se por suas palavras.

O problema, é que conta-se nos dedos de uma mão a quantidade de blogs sobre a CCB que possui qualidade. Ora são blogs do tipo "desce a lenha", ou "Somos a Graça", e até mesmo "Gatinhas do Senhor". Francamente!

Julguei necessária a criação deste blog, chamado "Protestantismo Ítalo-Brasileiro". O espaço será de importante fonte para a história, manutenção e compreensão deste movimento que marcou para sempre o campo religioso brasileiro. Também serão abordados fatos que ocorrem hoje no mundo cristão, mas prometo fazê-lo de forma crítica e analista; não como o dono da verdade real, mas buscando trabalhar com informações fidedignas. Nada de superficial. Deixo claro que as opiniões aqui descritas são de minha autoria. Quando necessário, informarei a fonte.
Ricardo Oliveira
20/11/2009

* A interrogação refere-se à existência do site para fins de esclarecimentos da Instituição. http://www.congregacaocristanobrasil.org.br/

3 comentários:

  1. Parabéns Ricardo Oliveira pela iniciativa de criar este blog e procurar trabalhar com informações de cunho histórico, culturais e acadêmicas. São plenamente compreensíveis as razões pelas quais a Congregação Cristã no Brasil não se utiliza de meios de comunicações em massa para a propagação do Evangelho, até mesmo por que a finalidade é o aperfeiçoamento espiritual e não a quantidade de membros. Busque manter a qualidade e não permita comentários ofensivos à CCB ou a qualquer outra denominação religiosa, nesta seara, o respeito é a pedra fundamental para o sucesso.
    Parabéns meu Amigo!

    Alexandre Belizário

    ResponderExcluir
  2. Ricardo,

    obrigado pela visita em meu blog.

    gostei deste espaço. tem algum material sobre o centebário? gostaria de publicar no blog do centenário?

    se sim, mande-me um email, que providencio seu acesso.

    abraço

    ResponderExcluir
  3. Ricardo:

    Compartilho contigo o cuidado com o nome de nossa denominação. Eu prefiro escrever sobre a fé do que sobre a Congregação Cristã.

    Há também a questão de que, como instituição, a Congregação Cristã optou por adotar um caráter não-denominacional. Isto é um pouco difícil de acontecer na prática, pois todos os que estão "de fora" vêem nossa igreja como mais uma denominação cristã e os que estão "dentro" pensam que afirmar que "há um só corpo, uma só igreja" significa que apenas nós fazemos parte da igreja do Senhor. Enfim... complicado.

    Sua iniciativa é muito boa. Continue...

    Grande abraço.

    ResponderExcluir